Publicada em: 23/09/2020 13:59

Professor da UEA lança livro que reúne poemas musicados de três autoras

Com a finalidade de homenagear a voz poética feminina das Américas, o professor da Escola Superior de Artes e Turismo da Universidade do Estado do Amazonas (Esat/UEA), maestro Adroaldo Cauduro, lançou nesta terça-feira (22), o livro "Cantando Poetas das Américas: vozes femininas". A obra é um conjunto de poemas de Maria Dinorah, Astrid Cabral e Emily Dickinson musicados para coro, orquestra de cordas, instrumentistas e cantores solistas.

A nota de apresentação da obra foi feita pela diretora da Editora Universitária da UEA, professora Maristela Barbosa Silveira, que a descreve como mais um passo da genialidade do maestro Cauduro e um presente para a Universidade. "É uma honra para a equipe da Editora UEA ter se engajado em ritmo allegro molto, a fim de trazer esta obra de arte aos amazonenses", comenta.

O livro divide-se em três partes: "Barco de Infância", que traz à cena a poeta gaúcha Maria Dinorah; "Rio do Tempo", que contempla a poeta amazonense Astrid Cabral; e finalizando "A fuzzy fellow, without feet", que homenageia a poeta americana Emily Dickinson.

De acordo com o professor Adroaldo, musicar poemas de Maria Dinorah é reiterar a reflexão poética sobre a difícil realidade social de extrema miséria em que muitas crianças encontram-se nas cidades brasileiras. "Cantar Astrid Cabral é compreender melhor a alma humana, os conflitos emocionais, os encontros e desencontros que ocorrem no incessante giro do 'Carrossel dos Dias' ao longo do 'Rio do Tempo' de nossas vidas", afirmou Adroaldo, além de enfatizar ainda que entoar Emily Dickinson é desvendar, expressar em poesia um pouco da vida, do cotidiano, do modo de pensar da sociedade norte-americana durante a segunda metade do século XIX.

A coletânea já está disponível gratuitamente no repositório da UEA. Para conferir, acesse o link abaixo.

ITENS ASSOCIADOS