Publicada em: 18/09/2020 09:04

UEA constitui Comissão de Políticas Institucionais para alunos indígenas

Fortalecendo cada vez mais as ações de extensão e apoio para a comunidade acadêmica, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) constituiu nesta quinta-feira (17), a Comissão para Articulação de Política Institucional para Alunos Indígena da UEA.

Durante uma reunião realizada na sala do Conselho Universitário da UEA (Consuniv) e conduzida pelo Pró-Reitor de Extensão e Assuntos Comunitários, André Tannus, ficou decidido que a estrutura do funcionamento da Comissão dos Povos indígenas será vinculada ao gabinete do Reitor da UEA.

"Pensar numa política institucional para alunos indígenas da UEA, significa estarmos inseridos e pensarmos diretamente na população que dá o rosto ao nosso Estado e a nossa universidade. Essa comissão é pensada exclusivamente para o indígena, e deste modo teremos a visão para a efetividade das políticas públicas para eles. Foi extremamente importante a UEA realizar essa ação voltada ao indígena, para o indígena e pelo indígena", disse o professor do curso de Direito da UEA, Denison Aguiar.

A Comissão ficou estrutura da seguinte forma: serão os representantes da UEA os professores Denison Melo Aguiar, Cláudia de Moraes Martins Pereira, Sílvia Maria da Silveira Loureiro, Jeiviane Justiniano da Silva, Marcos André Ferreira Estácio e Rárima Gomes Coelho. Além desses, serão membros da Comissão, os representantes do Movimento dos Estudantes Indígenas do Amazonas (Meiam), Erimar Cabral Miquiles, Ludimar Nunes Gonçalves, Mayara Pereira Batista, Samela Lorena Vilácio Marteninghi e Vanderlecia Ortega dos Santos.

Também irão compor a estrutura, os representantes do Fórum de Educação Escolar Indígena do Amazonas (Forreia), Alva Rosa Vieira, Hitler Comapa Franco e a representante da Coordenação das Organizações Indígenas de Manaus e do Entorno (COPIME), Marcivana Rodrigues Paiva.

Foto: Joelma Sanmelo/ASCOM UEA

ITENS ASSOCIADOS