Publicada em: 17/09/2020 10:28

Sintesam visita UEA e conhece Plano de Retomada Segura das Atividades

A Gestão Superior da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) recebeu na manhã desta quarta-feira (16), a visita dos coordenadores do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Estado do Amazonas (Sintesam). Na oportunidade, o grupo conheceu todas as ações contra a Covid-19 que foram e estão sendo adotadas nas unidades da capital e do interior para prevenir a doença e preservar a vida da comunidade acadêmica.

Durante o encontro, a Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da UEA e médica infectologista, Maria Paula Mourão, esclareceu que a Gestão tem trabalhado de forma colegiada desde o início da pandemia. Segundo ela, o grupo gestor de crise da Universidade tem acompanhado a evolução dos casos da COVID-19 em todo o Estado e, com base nesse estudo panorâmico, tem estruturado o plano com orientações e recomendações sobre as atividades na UEA. Maria Paula enfatizou que o planejamento não pode se sobrepor as determinações governamentais e municipais.

"Nós elaboramos um Plano de Contingência que já foi substituído pelo Plano de Retomada Segura das Atividades da UEA. Estamos trabalhando por etapas, sendo que a primeira foi de treinamento e capacitação das unidades acadêmicas, elaboração de materiais educacionais, orientações em relação à higiene dos ambientes e medida de proteção individual e coletiva, além dos procedimentos de agendamento do atendimento ao público, tudo para preservar a saúde e a vida dos nossos discentes, docentes e servidores", disse a Pró-Reitora.

O Reitor da UEA, Cleinaldo Costa, destacou que o Plano de Retomada Segura das Atividades tem a versão atualizada a cada 15 dias. "Seguimos uma série de critérios para trabalharmos de forma correta, com prevenção e segurança. Durante algum tempo, mantivemos nossas unidades fechadas e nossos técnicos trabalhando de casa, resguardando os servidores com mais de 60 anos de idade ou com alguma comorbidade", explicou.

Já o coordenador geral do Sintesam, Francisco Viana, disse que a visita é uma forma que a entidade dispõe de demonstrar a preocupação com a vida dos servidores e, também, com as medidas que estão sendo adotadas para garantir a segurança dos associados nos ambientes de trabalho. Viana salientou que saiu da reunião totalmente satisfeito com todos os esclarecimentos dados pela Gestão Superior da UEA.

"Percebemos o verdadeiro compromisso da universidade com os seus servidores. Fomos muito bem recebidos e tivemos todas as nossas dúvidas esclarecidas. Estamos satisfeitos com a maneira pela qual a UEA vem conduzindo essa situação. Queremos exaltar o trabalho da universidade e na oportunidade estreitar essa parceria para a melhoria da qualidade de vida dos servidores", concluiu.

Texto e foto: Gerson Freitas/ASCOM UEA

ITENS ASSOCIADOS